Frases e Pensamentos – O que fizemos hoje pelo Meio Ambiente!

"O simples fato de que a mensagem talvez nunca seja recebida não significa que não valha a pena ser enviada." - Segaki "Algumas pessoas podem rir de mim porque eu tentei e não consegui, mas com certeza eu rirei muito mais porque elas nunca tentaram" - Darcy Ribeiro "A utopia est lá no horizonte. Me aproximo dois passos, ela se afasta dois passos. Caminho dez passos e o horizonte corre dez passos. Por mais que eu caminhe, jamais a alcançarei. Para que serve a utopia? Serve para isso: para que eu não deixe de caminhar". - Eduardo Galeano "A verdadeira filosofia é reaprender a ver o mundo.” - Merleau-Ponty “É preferível mil vezes afrontar o mundo estando de acordo com a sua consciência que afrontar a sua consciência para ser agradável ao mundo. Tudo está bem com você, mesmo que tudo pareça estar completamente errado, se tem paz interior. Inversamente, tudo está errado com você, mesmo que exteriormente tudo pareça estar bem, se não está em paz com sua consciência.” – Mahatma Gandhi "Para evitar críticas, não faça nada, não diga nada, não seja nada !" - Elbert Hubbard "Não devemos ter medo dos confrontos. Até os planetas se chocam e do caos nascem as estrelas." - Charles Chaplin “A vida é uma oportunidade de ousar." – Clemenceau “A maior missão do homem é dar à luz a si mesmo, é tornar-se aquilo que ele é potencialmente.”- Erich Fromm "Existir é mudar, mudar é amadurecer, amadurecer é criar a si próprio infinitamente." - Henri Bergson “Viver é a coisa mais rara do mundo. A maior parte das pessoas não faz mais do que existir.”- Oscar Wilde "A felicidade não é a recompensa da virtude, mas a própria virtude; não nos deliciamos com a felicidade pelo fato de refrearmos nossos apetites sensuais, mas, pelo contrário, por nos deliciarmos com eles, somos capazes de refreá-los."- Spinoza "Há pessoas que perdem a saúde para juntar dinheiro e depois perdem o dinheiro para recuperar a saúde. Por pensarem ansiosamente no futuro, esquecem o presente de tal forma que acabam por nem viver no presente nem no futuro. Vivem como se nunca fossem morrer e morrem como se nunca tivessem vivido" - Confúcio Um velho índio descreveu certa vez em seus conflitos internos: "Dentro de mim existem dois cachorros, um deles é cruel e mau, o outro é muito bom e dócil. Os dois estão sempre brigando..." Quando então lhe perguntaram qual dos cachorros ganharia a briga, o sábio índio parou, refletiu e respondeu: "Aquele que eu alimentar" - Autor desconhecido "A natureza faz do homem um ser natural. A sociedade faz dele um ser social. Somente o homem é capaz de fazer de si um ser livre." - Rudolf Steiner "Não são nossas habilidades que revelam quem realmente somos, são as nossas escolhas." - Harry Potter e a Câmara Secreta “Nossas dúvidas são traidoras e nos fazem perder o que, com freqüência, poderíamos ganhar, por simples medo de arriscar.” - William Shakespeare "Nenhum pássaro voa alto demais se voar com suas próprias asas" - William Blake] "Dai-nos forças, Senhor, para aceitar com serenidade tudo o que não possa ser mudado. Dai-nos coragem para mudar o que pode e deve ser mudado. E dai-nos sabedoria para distinguir uma coisa da outra." - Almirante Hart “Podemos escolher o que semear, mas somos obrigados a colher aquilo o que plantamos.” - Provérbio Chinês "Começamos a envelhecer quando as lamentações tomam o lugar dos sonhos !" - John Barrymore "Se choras por não ver o Sol, as tuas lágrimas impedir-te-ão de ver as estrelas" – Tagore "Muitas pessoas perdem as pequenas alegrias enquanto aguardam a grande felicidade." - Pearl S. Buck “O pessimista se queixa do vento, o otimista espera que ele mude e o realista ajusta as velas.“ - William George Ward “Nunca ore suplicando cargas mais leves, e sim ombros mais fortes.” - Philips Brooks “Se não puder se destacar pelo talento, vença pelo esforço.” - Dave Weinbaum “Você quer ser feliz por um instante? Vingue-se! Você quer ser feliz para sempre? PERDOE!” - Tertuliano "Só conheço duas coisas infinitas. O universo e a estupidez humana. E mesmo assim, tenho dúvidas sobre o universo". – Einstein "De tanto ver triunfar as nulidades, de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça, de tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar da virtude, a rir-se da honra, a ter vergonha de ser honesto." - Ruy Barbosa “Ao dizer alguma coisa, cuide para que suas palavras não sejam piores que o seu silêncio.” - Anônimo ”O erro, meu caro Brutus, não está em nossas estrelas, mas em nós mesmos, que somos imperfeitos." - William Shakespeare "É muito melhor arriscar coisas grandiosas, a alcançar triunfos e glória, mesmo expondo-se a derrota, do que formar fila com os pobres de espírito que nem gozam muito nem sofrem muito, porque vivem nessa penumbra cinzenta a que se conhece como nem vitória nem derrota." - Roosevelt "Nunca ande pelo caminho traçado, pois ele conduz somente até onde os outros foram." - Grahan Bell "A vida só pode ser compreendida olhando-se para trás; mas só pode ser vivida olhando-se para a frente." - Soren Kierkegaard “Não seja escravo do seu passado. Busque novos oceanos, mergulhe fundo, nade para longe da praia. Quando voltar, estará livre de frustrações, carregando um poder que desconhecia. Isso o fará olhar além das montanhas do medo, em direção a um novo presente.” - Ralph W. Emerson "Para que repetir os erros antigos quando há tantos erros novos a cometer?" - Bertrand Russel

Rio + 20 uma nova oportunidade para cidades

Como palestrante da primeira reunião do comitê da Rio+ 20 no Vale do Paraíba, fui orador da palestra sobre o papel da sociedade civil na Conferência sobre o desenvolvimento Sustentável conhecida como Rio+20, promovida pela OSCIP-Associação Ecológica Piratinguaúna, na ACIAP-BM - Associação Comercial de Barra Mansa.

Apresentei um breve histórico do processo de participação que teve inicio em 1968 com a criação do Clube de Roma, produziu um documento propondo os limites do crescimento em nosso planeta que foram reafirmados na primeira conferência sobre meio ambiente em Estocolmo em 1972. Quase 20 anos depois em 1987 as Nações Unidas proporam um novo grupo que estabeleceu o conceito de desenvolvimento sustentável e foi responsável em parceria com a Assembleia Geral da ONU pelo organização da Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente e o Desenvolvimento a Rio 92, que estabeleceu critérios para construção de um novo paradigma para seculo XXI através de tratados e de uma estrutura de planejamento chamado agenda 21.

Mais uma vez somos novamente convidados construir novos conceitos sobre governaça e economia temas centrais da Rio+ 20 e a presença da Vice prefeita de Barra Mansa Ruth Coutinho,nos criou a oportunidade de discutir um novo futuro para cidade através da implementação de políticas públicas para sustentabilidade na região do Vale do Paraíba, tendo o Município como referência positiva para a localidade.

A Economia Verde tema central da Rio +20 pode ser uma alternativa para região mitigando os impactos gerados pelo modelo de desenvolvimento imposto, que não respeito os direitos básicos do seres humanos gerando uma grande ausência justiça socioambiental na região do Vale do Paraíba.

Concluímos nossa palestra com a implementação do Comitê da RIO+20, e com a presença da Vice prefeita de Barra Mansa Ruth Coutinho, afirmamos a possibilidade de uma nova gestão na política de desenvolvimento local com a intenção de transformar Barra Mansa, ser a primeira cidade brasileira sustentável dentro das novas diretrizes para segunda década desse novo milênio.

Pedro Aranha e ambientalista e membro do grupo de trabalho sobre Governança Ambiental da Nações Unidas. E Eduardo Wernech, Presidente da OSCIP – Piratingaúna.

Carro elétrico faz de zero a 100 km/h em 2,9 segundos

Pouco se sabe sobre a montadora coreana Leo Motors, mas ela trabalha em um super carro elétrico capaz de superar em desempenho o Roadster da Tesla, até o momento o carro elétrico mais rápido que se tem notícias. A montadora coreana garante que o carro será lançado até o final deste ano.

A Leo Motors diz que o LZ-1 tem desempenho impressionante. A sua velocidade máxima poderá chegar a 260 quilômetros por hora, torque máximo de 68 kg/m gerados por motor elétrico de 240 kW, capaz de ir de zero a 100 km/h em apenas 2,9 segundos.

Para se ter uma idéia do que isso significa, basta ver que o Tesla Roadster alcança velocidade máxima 200 kilômetros por hora, e um torque máximo de 40 kg/m com motor elétrico 215 kW (vai de zero a 100 km/h em 4,9 segundos). Ambos os carros tem autonomia de cerca de 400 kilômetros.

Leo Motors também desenvolverá LZ-1H, um veículo híbrido plug-in que utiliza uma mistura de hidrogênio e GLP para abastecer o gerador do super carro e continuar a fornecer energia para a bateria. Usando esta tecnologia, espera-se que LZ-1H tenha autonomia de 900 kilômetros.

A Leo Motors está fazendo os últimos ajustes nos chassi do carro, que deverá entrar em produção em breve. O veículo ainda não teve sua foto revelada, mas a montadora revelou alguns veículos protótipos no Salão Automóvel de Seul no ano passado (ver foto ao lado). - Fonte: The Green Website

TEC-VE 2011

Nos dias 21 e 22 desta semana, ocorrerá em Brasília no hotel Royal Tulip o seminário brasileiro sobre tecnologia para veículos elétricos. Para ver a programação ou fazer inscrição basta acessar http://tecve.com.br/. O evento é de realização da ABVE – Associação Brasileira de Veículos Elétricos e BESC – Banco do Estado de Santa Catarina. Vamos apoiar para que o Brasil adote o veículo elétrico a exemplo do vem fazendo muitos outros países.

Nissan promove evento no Rio de Janeiro

A montadora Nissan apresentou na última quinta ‘a noite a imprensa local, o lançamento da versão carioca do Nissan Inova Show, sabe-se que o evento ocorrerá em 30 cidades no Brasil. O Nissan Inova Show, estará aberto ao público neste final de semana, no Via Parque Shopping, Barra da Tijuca e revelará as novidades da marca, entre eles os modelos Leaf e March. Vá conferir que vale a pena.

Evaldo Costa

Escritor, Conferencista e Diretor do Instituto das Concessionárias do Brasil

OSCIP – Piratingaúna inicia produção de mudas de seringueiras

Em parceria com o ITeB - Instituto Tecnológico da Borracha e o Instituto Educa Mata Atlântica, sob a coordenação da Bióloga Valeria de Almeida, a OSCIP - Associação Ecológica Piratingaúna, deu inicio a produção de mudas de seringueiras em caráter experimental em viveiro implantado no bairro Km4 no CEA – Centro de Estudos Ambientais Júlio Branco, como sabemos a seringueira é uma planta de origem brasileira (hevea brasiliensis), porém na época da colonização, os ingleses levaram suas sementes para suas colônias na Ásia, onde a planta se desenvolveu muito bem, e, por isso, atualmente os paises asiáticos são responsáveis por mais de 80% da produção mundial de borracha. Há aproximadamente 270 anos, a seringueira passou a ser conhecida pelo mundo civilizado por meio dos índios, mas para o mundo comercial não tinha valor porque com o calor ela melava e com o frio quebrava, até que Charles Goodyear descobriu, acidentalmente, a vulcanização com enxofre, daí por diante a borracha passou a ser utilizada comercialmente em muitos produtos que fazem parte da vida cotidiana como pneus, luvas, chupetas, sapados, entre outros. Toda borracha natural produzida no país e no mundo é consumida da seguinte maneira: Indústria pneumática, como o próprio nome já diz, produção de pneus e da Indústria leve, é tudo que não seja pneumático, como por exemplo, camisinha, bexiga, chupeta, acessório para o carro, solado de sapato, entre outros. Existem dois tipos de borracha, a natural é que vem da seringueira e a sintética que é derivada do petróleo. Num pneu comercial, o mínimo que tem que se colocar de borracha natural para total segurança do veículo é 30%, os outros 70% é formado por fios de aço e outros agregados mais a borracha sintética. Nunca conseguiram fazer em laboratório nenhuma borracha sintética que tivesse as mesmas características da natural e quanto mais próximo chegaram mais caro ficou o custo para sua produção. A borracha natural é mais resistente ao atrito, temperaturas altas e tem melhor elasticidade, por isso que os pneus de alta performance como os de fórmula 1 e os pneus utilizados e em aviões de grande porte são 100% de borracha natural. Além do que as seringueiras poderão ser plantadas em consorciamento com as mudas nativas da Mata Atlântica para recuperação de Áreas degradadas e gerar emprego e renda para as comunidades do entorno.

Eduardo Wernech - Presidente da OSCIP

Associação Ecológica Piratingaúna

Votação para a criação de Santuário no Atlântico Sul é recusado por países caçadores de baleias

CBI possui 89 membros entre defensores e caçadores de baleias / Foto: Guarda La`

A votação para criação de um santuário destinado a cetáceos no Atlântico Sul foi recusada pelos países caçadores de baleia, liderado pelo Japão, nesta quinta-feira, 14 de julho, último dia da sessão anual da Comissão Baleeira Internacional (CBI).

A iniciativa proposta pela Argentina e pelo Brasil provocou novos temores de tensões. Os delegados japoneses, seguidos pelos islandeses e por vários países africanos e caribenhos, abandonaram a sala de negociação quando o presidente propôs a votação. As negociações prosseguiam a portas fechadas.

CBI

A CBI, única instituição de gestão dos grandes cetáceos, prefere adotar as medidas por consenso para tentar superar as enormes divergências entre os países protetores de baleias e os caçadores (Japão, Noruega, Islândia e seus aliados).

Argentina e Brasil, dois dos 89 membros da comissão, solicitaram a votação da proposta de instaurar um santuário para impedir a caça comercial no Atlântico sul, uma medida mais simbólica que efetiva devido à moratória internacional em vigor sobre a prática.

Durante as discussões o comissário adjunto da delegação japonesa, Joji Morishita, alegou que pensou que “uma votação teria um efeito bastante negativo no bom ambiente que conseguimos criar nesta organização", mas afirmou compreender a importância da proposta. Morishita ainda disse que as delegações dos países caçadores abandonariam a sala para impedir o quórum necessário (45 países) para proceder a votação.

"Não acredito que se acontecesse uma votação isto seria o fim da Comissão Baleeira", defendeu o representante do Brasil, Marcus Paranaguá, que recordou que a proposta do santuário está sobre a mesa desde 2001.

Riscos para cetáceos

A CBI discutiu na segunda-feira, 11 de julho, a problemática dos lixos plásticos na superfície dos oceanos como uma ameaça para as baleias e os golfinhos.

No ano de 1999, uma baleia da espécie Cuvier encalhou com 33kg de plástico no corpo na cidade de Biscarrosse, na França. Outro fato marcante foi registrado em 2008, onde foram encontrados 134 tipos de redes nos estômagos de duas baleias da espécie Cachalote, encalhadas no litoral da Califórnia, nos Estados Unidos.

"A ameaça dos dejetos de plástico para inúmeros animais marinhos foi estabelecida há tempos, mas a ameaça para as baleias e os golfinhos é menos clara", analisou o autor, Mark Simmonds, cientista-chefe da Sociedade para a Conservação dos Golfinhos e Baleias (WDCS, na sigla em inglês). "Mas já foi estabelecido que esses dejetos podem causar danos aos animais, seja porque os ingerem ou porque ficam enredados neles", concluiu.

Fonte: Ecodesenvolvimento Fonte: Postado por AXEL SCHMIDT GRAEL em seu Blog

Recomenda a adoção de práticas sustentáveis no âmbito da Administração Pública

Pergunta que não quer calar, será que a sua cidade está atendendo a esta recomendação, se não estiver, é hora de cobrarmos uma atitude.

RECOMENDAÇÃO No 12, DE 08 DE JUNHO DE 2011

Recomenda a adoção de práticas sustentáveis no âmbito da Administração Pública.

O CONSELHO NACIONAL DO MEIO AMBIENTE-CONAMA, no uso das atribuições que lhe são conferidas pela Lei no 6.938, de 31 de agosto de 1981, regulamentada pelo Decreto no 99.274, de 6 de junho de 1990, alterado pelo Decreto no 3.942, de 27 de setembro de 2001, e tendo em vista o disposto no art. 2o, inciso XVI de seu Regimento Interno; e Considerando a existência da Agenda Ambiental na Administração Pública-A3P, programa coordenado pelo Ministério do Meio Ambiente, que tem como princípio a inserção de critérios socioambientais na Administração Pública, recomenda:

Art. 1o Aos órgãos e entidades do Sistema Nacional do Meio Ambiente-SISNAMA a adoção de normas e padrões de sustentabilidade, de modo a orientar a aquisição, a utilização, o consumo e a gestão dos recursos naturais e bens públicos, observando as seguintes diretrizes:

I - uso racional dos recursos naturais e bens públicos;

II - gestão adequada dos resíduos gerados;

III - qualidade de vida no ambiente de trabalho;

IV - sensibilização e capacitação dos servidores;

V - licitações sustentáveis; e VI - construções sustentáveis.

§ 1o Aos órgãos e entidades do SISNAMA, nas suas respectivas esferas de atuação, o incentivo e a orientação para a adoção das normas e padrões de sustentabilidade e responsabilidade socioambiental pelas demais entidades das três esferas de governo e no âmbito dos três poderes.

§ 2o Aos órgãos e entidades do SISNAMA a constituição de comissão interna ou equivalente, composta preferencialmente por membros de diferentes setores, para implementação das diretrizes mencionadas nesta recomendação, tendo como objetivo:

I - sensibilizar e promover a capacitação dos servidores;

II - realizar diagnósticos;

III - elaborar e implementar projetos e atividades;

IV - desenvolver processos de avaliação e monitoramento;

V - divulgar e tornar públicos os resultados.

Art. 2o Aos órgãos e entidades do SISNAMA a consulta ao programa “Agenda Ambiental na Administração Pública-A3P”, disponível no Sítio Eletrônico do Ministério do Meio Ambiente , para a implementação das diretrizes de sustentabilidade mencionadas nesta recomendação.

IZABELLA TEIXEIRA

Presidente do Conselho

Fonte: Ministério do Meio Ambiente / CONAMA

  • Rua Maria Luiza Gonzaga, nº 217, Ano Bom - Barra Mansa / RJ - CEP: 27.323-300
  • +55 24 97403-2849 e +55 24 3323-0224